segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Jonas em Sto André

Hoje ouvi uma frase esquizita: "a vida em sua essência é mais importante que a vida em sua contingência", ou coisa assim...
O que a frase quer dizer (quem me disse a frase explicou) foi que a vida e mais importante, qualquer vida. A vida do pecador, a vida mal vivida, a vida besta etc.
É bom que eu tenha ouvido isso lá no meio das coisas que eu ouvi dessa pessoa, afinal de contas está na Bíblia em um monte de lugares isso que ele me falou.
Agora vem cá, isso de tratar a vida em sua essência é coisa para Deus mesmo, não é não?
Tal como o profeta Jonas, muitos de nós se revoltam por ter um Deus de coração tão MOLE! Que tem compaixão de gente que não sabe discernir a esquerda da direita!
E tal como Jonas, eu acho que iria comprar uma passagem só de ida para o Amapá se Deus surgisse na minha frente, me pedindo para ir falar no nome dEle para Lindemberg Fernandes Alves lá em Sto. André! Coração mole desse jeito, Jonas sabe muito bem, só depois de 3 dias submetido a um tratamento de sucos gastricos e enzimas digestivas dentro do estomago de algum bicho gigante....
"o importante é a essencia da vida, não a contingencia...."
Os caras de Ninive, o cara de Sto. Andre... Eles Não sabem distinguir a direita da esquerda! Eu, como Jonas, tô achando dificil......
Mas sabem duma coisa, no meio das minhas orações tristes pedindo para que Deus console os que sofrem, eu ainda encontro animo de dar Graças a Deus (literalmente) por Ele ser um coração mole...
Por que Ele está lá para os que sofrem,
Ele está lá por mim
E eu oro que Ele esteja lá para ensinar a esquerda e a direita para aqueles que por uma razão ou outra não aprenderam E oro para que eles aprendam...
Viajei né... Não é novidade.
Mas acho que deu para sacar mais ou menos do que eu tô falando...

Paz de Cristo

Um comentário:

Logan disse...

Pra quem começou a escrever um blogger este dias tá bom hein,parabéns só não pocure deixar o assunto redundante, conselho de quem está ainda aprendendo a fazer redação.mas gostei da questão